sexta-feira, dezembro 30, 2016

Barra da Tijuca se consolida como o segundo maior Réveillon do Rio

Com onze pontos de queima de fogos, festa já é a maior da história do bairro

Cariocas e turistas este ano contarão com uma opção alternativa à altura da tradicionalíssima queima de fogos de Copacabana. Com o apoio da Riotur, Associação de Hotéis do Estado do Rio e Rio Convention & Visitors Bureau, a Barra da Tijuca terá um verdadeiro espetáculo pirotécnico na virada do ano, que iluminará o céu da Barra às Vargens. Este, que já é considerado o maior Réveillon da história do bairro, é também o segundo maior da capital carioca.
Onze locais irão viabilizar uma visão prestigiada em todos os pontos da região. Além do Quebra-mar e dos shoppings Village Mall e Barra World, os hotéis Windsor Barra, Sheraton Barra, Brisa Barra, Grand Hyatt Barra, Ramada Recreio, Hilton Barra e Courtyard Marriott serão pontos de queima de fogos.  O Grand Mercure Riocentro também confirmou que realizará a atração. Serão mais de cinco toneladas de fogos, de 03 a 12 minutos. O espetáculo piro musical conta com 34 tipos diferentes de efeitos e cores, assinado pela empresa Lanza Show e Fogos.

 
Os hotéis da região também são protagonistas nesta festa e reúnem a maior concentração de shows em uma só noite. Entre os destaques da programação está o Windsor Barra, pioneiro na queima de fogos do bairro, com a festa temática “Safári” e show da Banda Anjos da Noite. No Hilton, Leo Jaime sobe ao palco como a grande atração da virada. A festa de Réveillon do Sheraton Barra traz o DJ Michael Muller e Alegria Mattus & Banda. Já o primeiro Réveillon do Grand Hyatt colocará todo mundo para dançar ao som do Monobloco.
A programação é uma motivação para os turistas, que já garantem um ótimo movimento para os hotéis da região. A ocupação média da hotelaria no bairro já chegou a 79%, superando a média geral da cidade, que estava em 78% no momento da apuração, realizada uma semana antes da virada do ano. Nos cinco estrelas, o índice de ocupação já chega a 87%.
Para o empresário Alfredo Lopes, presidente da Associação de Hotéis do Estado do Rio, o bairro se posicionou como novo polo hoteleiro carioca e, como anfitrião das Olimpíadas, mostrou que é um destino turístico completo. “A Barra entrou definitivamente no roteiro de quem visita o Rio. Quem quer ficar mais afastado do burburinho ou simplesmente deseja aproveitar a virada em atrações alternativas e mais exclusivas encontra uma grande comemoração no bairro. Este novo momento poderá ser celebrado com um Réveillon memorável, que já o segundo maior Réveillon do Rio. E a data não poderia ser mais oportuna, pois quem visita a região pode desfrutar o verão carioca no bar caribenho das praias da região”, comemora.