sexta-feira, março 31, 2017

COLUNA ESPAÇO MOTOR

João Mendes



 
       FORD K TRAIL TEM BOM PREÇO  
A Ford apresentou seu modelo Ka Trail com motor Flex 1.0, 3 cilindros e 85 cavalos, mas já já também irá disponibilizar o modelo com um novo motor Flex 1.5, também de 3 cilindros e 110 cavalos de potência. O Ka Trail é uma versão aventureira do carro que é o terceiro no ranking dos mais vendidos no Brasil. A característica mais importante é que ele esta 31 mm mais alto totalizando uma distância do solo de 200 mm, distância essa que é a base para os utilitários esportivos. Portanto o Ka Trail esta mais alto e isso foi conquistado com novos amortecedores, novas molas e pneus mistos com desenho 50% para asfalto e 50% para off-road.
 
A suspensão traseira também recebeu uma barra estabilizadora de maior diâmetro e o eixo traseiro ficou mais rígido. Por causa da altura maior e dos pneus mistos foram recalibrados a direção elétrica e os freios ABS.  Além da maior altura do solo o carro tem rodas de liga leve de 15”, rack de teto prata fosco, faixas decorativas nas laterais e na traseira, protetor nas soleiras das portas,  moldura preta texturizada nas caixas de roda, farol de neblina com moldura preta, banco traseiro bi-partido, forração dos bancos em material misto com couro sintético nas laterais e tecido com proteção para facilitar a limpeza na parte central, pedaleiras esportivas e como todo Ford possui multimídia com comando de voz. Andando com o carro senti uma suspensão mais dura e boa estabilidade passando bem com este pneu misto em piso molhado. Não andei em estrada de terra mas certamente para este ambiente o carro vai atender melhor que o Ka normal, que começa na versão SE por R$43.760 enquanto o Ka Trail tem preço sugerido de R$47.690 o que é um valor bom por ser um carro mais exclusivo por apenas R$3.930 e as outras versões aventureiras do mercado tem preço superior em mais de R$7.000. Essa versão vai ajudar o Ford Ka a se manter como um dos carros mais vendidos do país. 
                                HONDA CIVIC EXL GERAÇÃO 10  
Eu já havia testado e comentado a versão Touring do Civic Geração 10, que é a versão top de linha com motor 1.5 turbo de 173 cavalos. Agora testei a versão EXL, que é a que mais vende, e tem motor 2.0 i-Vtec 16V FlexOne de 155 cavalos e câmbio automático CVT de 7 velocidades com a possibilidade das trocas manuais através de borboletas no volante.
 
Esse novo Civic EXL esta mais seguro e mais na mão do motorista porque possui os sistemas de estabilidade e tração, assistente de dirigibilidade ágil, que melhora a estabilidade dinâmica nas curvas, e assistente de partida em rampa. Outra novidade é o freio de estacionamento eletrônico que não substitui apenas ao chamado freio de mão porque também pode ser usado com freio de emergência porque ele atua nas quatro rodas.
 
 Se você estiver de passageiro e verificar que aconteceu algum problema com o motorista, um mal súbito, ou desmaio ou simplesmente dormir, e você observar a necessidade de parar o carro, pode acionar o freio eletrônico que ele vai parar o carro completamente. A versão EXL possui ar-condicionado automático de duas zonas, sofisticado sistema multimídia com tela de 7” sensível ao toque com navegador e interface para smartphone, som mais sofisticado com 4 tweeters, entrada HDMI, duas portas USB e ainda painel de instrumentos com tela TFT de alta definição e velocímetro digital. Andei no perímetro urbano e na estrada, na cidade, usando gasolina, o consumo foi de 9,7 Km/l e na estrada, do Rio de Janeiro até a cidade de Miguel Pereira com uma serra no caminho, 13,6 Km/l, marcados no computador de bordo, e segundo o Inmetro este Civic tem nota A no consumo com os números oficiais indicando consumo de gasolina de 10,2 Km/l no circuito urbano e 13,4 Km/l na estrada. O comportamento dinâmico do Civic, geração 10, é muito bom, seguro nas curvas tanto de alta como de baixa e o câmbio CVT também se comporta bem, sempre com trocas suaves e atendendo com precisão pisadas fortes no acelerador para retomadas mais rápidas. Gostei desta versão ELX, com motor 2.0, porque as retomadas parecem ter mais disposição com giros mais baixos o que traz melhor eficiência. O Honda Civic é o segundo no ranking do segmento dos sedãs médios que é liderado pelo Toyota Corolla e esses dois carros tinham 175,5 cm de largura. O Corolla 2018 manteve esta medida enquanto o Civic Geração 10 teve sua largura aumentada em 4,5 cm ficando com 180 cm e agora o porta-malas do Civic esta maior do que o do Novo Corolla em 49 l, totalizando 519 l. O Honda Civic ELX custa R$105.900.
VEM AÍ O RIO BOAT SHOW
A 20ª Edição do Rio Boat Show, o salão náutico do Rio de Janeiro, vai acontecer de 05 a 11 de abril na Marina da Glória. Serão exibidos 150 barcos, 75 na água e outros 75 em terra. Para quem vem de fora da cidade o hotel oficial do evento é o tradicional Hotel Novo Mundo na Praia do Flamengo. Maiores informações você encontra em www.rioboatshow.com.br
MAIS CONFORTO NOS CAMINHÕES MERCEDES-BENZ
É sabido que os motoristas de caminhões passam horas dirigindo e muitos até dormem dentro da cabine e a Mercedes-Benz renovou o cockpit da sua linha para que estes motoristas tenham o maior conforto possível. São novos bancos, novos pacotes multimídia, volante multifuncional, sistema de som e tacógrafo digital e outras facilidades. Mais detalhes e vídeo em www.memoriamotor.r7.com